04 julho 2007

Tão longe, tão perto



Daqui da praia não se ouve os barulhos da cidade, o caos parece que não existe. É um outro mundo, com cores e cheiros totalmente diferentes.
Outra organização.

Aqui perto do mar só se percebe o barulho calmo das ondas, o vento, uma ou outra gaivota, quase o silêncio. Praticamente o paraíso.

É isso que acontece quando a gente vive dentro de um cartão postal.



Fotos - Jôka P.

34 comentários:

eduardo disse...

Me emocionei!!!!!!!

Angela Ursa disse...

Jôka, isso é uma beleza mesmo!! Viajei no texto e nas fotos :)) E ótimo para relaxar do estresse urbano. Beijos da Ursa da madrugada :))

Eliana Arndt Machado disse...

Bom Dia, Jôka
Está lindo o visual do seu blog. O template e o post.
Eu amo o barulho das ondas do mar, mas amo, também, as montanhas, o campo, enfim, aonde a Natureza fala com a sua melodia, me faz bem a alma.
Graças a Deus que apesar de estar dentro de uma casa em plena cidade do Rio de Janeiro, eu acordo sempre tendo os Bem-Te-Vi cantando pra mim, me dando o Bom Dia! E isto já me faz muito feliz. Meus visinhos devem achar que sou "pertubada da cabeça", pois eu respondo pra eles, converso com as plantas, falo com o "meu gatinho", e por ai adiante... Não deixo ninguém sem resposta. Minha vida é uma "verdadeira comédia". Só Deus e eu pra entendê-la.
Um abençoado dia pra todos,
Fiquem com Deus,
Felicidades,

Tina disse...

Oi Jôka!

Verdade mesmo, assino embaixo.

Ficou linda a foto lá em cima, parabéns.

Ah: Coitada da Suely... rs

beijos querido, bom dia!

Sraake disse...

Hummmmmm que poético!
Queria esse marzão aqui pertinho de mim. Por hora tenho um lago feito pela chuva que não para de cair! O verão europeu está um caos! Bjôkas!

gatinha surfistinha disse...

Me amarrei nos bodyborders!! são uns gatinhos!! N0o meu tempo a gente chamava essas pranchas de 'morey boogie'!!!

Jôka P. disse...

Gatinha Surfistinha, também sou desse tempo !
Morey boogie, Hang Ten, tênis Pampeiro... e as gatinhas como você, a gente chamava de cocotinha, né !
;)

Avassaladora disse...

e isso é tão bom, né!!! Não ouvir o caos, não saber o quê acontece na vida real...

Sérgio disse...

Só quem tem essa dádiva sabe bem como é e assim pode relatar aos demais.Aqui em Santos tb consigo sentir tudo o que escreveu.
Abraços

Chris disse...

Que maravilha! Deu saudade...

Márcia(clarinha) disse...

E que belíssimo cartão postal, o mais lindo do mundo!
Jôka, tem notícias de Suely?
Tadinha, me preocupei, rsss ;)
beijosss

Garçom disse...

O seu amor por Copacabana e pelo Rio é lindo, me emociona demais.

Sonia disse...

Lindo post, Jôka! Ótimas as fotos e o cabeçalho está lindo!
(Cabeçalho me lembra do meu tempo de primário).

Carol disse...

Que inveja, Jôka.
Curta essa praia aí pela sua amiga carioca distante.
Bjs.

cat disse...

Jôka, gosto do seu blog, da sua praia e de você. Miau !

Lila disse...

só de ouvir o barulhinho do mar já é tudo!
beijos Jôka!

Alziro Patafisico disse...

AMEI!!!!
Fotos lindas, texto sublime, e o template. Tudo perfeito.
Sempre uma delícia passear por aqui.
Thanks...

Kika Bastos disse...

nunca parei pra pensar nisso, mas é verdade... a música da praia, do mar é outra, mesmo que esteja do lado do caos!
beijos!

Billy disse...

Ahhh... que máximo!!!

Mônica disse...

lindas fotos, JP!

DO disse...

Muitas saudades da maravilhosa cidade...

Sraake disse...

Queria Copacabana aqui na esquina com todo caos e beleza! Ai ai que saudade do mar!

oultimocarioca disse...

A Celinha BAleia vai encalhar no LIVE EARTH ??? O phelipe do PAPEL POP vai...

Jôka P. disse...

A Celinha Cetácea já me disse que vai ao LIVE EARTH. E eu também vou.
Se fotografar a giganta fofona, prometo que coloco a foto dela aqui, entre outras, das ordinárias, semi-vips e vips, tá !

engraçadinha disse...

Esse tempinho meio quente meio frio, faz qualquer praia do Rio parecer perfeita, não?!
Menos a praia de Ramos.

junior disse...

Jôka meu querido,
Legal que você veja as coisas desse modo.
Beijão pra você

wanda, a giganta disse...

Jôka, diz pra Celinha Baleia que eu tenho 1,67 m, peso136 k e estou me preparando pra redução se estomago no final desse mês. Não acredito em gorda assumida e muito menos em “gordinha feliz”. Essas têm mania de supervalorizar partes do corpo, tipo “meus cabelos são lindos”, como se o resto não fosse um horror.
Sei que ainda vou gastar uma grana com terapia, porque mesmo depois de emagrecer, a minha alma permanecerá de gorda... um beijão !

Dani disse...

Copa é mais do que um cartão postal, é um símbolo, um emblema da cidade do Rio.
E, digam o que disserem, a gente não está nem aí. Que sucumbam de inveja os despeitados! :-)

Beijos, Jôka!

PS: Espero que hoje eu consiga comentar direto por aqui!

Dani disse...

Consegui!!! :-D

Sraake disse...

Acordou cedo hoje, hein?!!! Jôka estou descolorada um tanto "puba"!!!
Você acredita que minha mãe guarda aquele bilhetinho que você fez para ela em frances???? Ela diz que ele foi a salvação dela no aeroporto em Paris! Mas uma vez obrigada!!!!

BethS disse...

Joka, que fotos otimas! a que está no template é maravilhosa. Cores e luz e enquadramentos de profissional. Que câmera você usa, hein??
Beijo grande, bom fim de semana!

Jôka P. disse...

Valeu, Beth S.!
Uso uma pequena YASHICA MY300 - 3.1 Mega pixel, muito simples e básica.
Bjs!

Ritoca disse...

Oi Jôka!

Lindo post! Realmente viver no Rio é um privilégio. Ainda mais se se vive perto do mar, um cartão postal, como vc bem disse.

Tenha um ótimo finde.

Bjs

olhosdemar disse...

lindas fotos... estou com saudade do Rio. beijo.