22 junho 2008

Ainda não sei exatamente por que vivo essa Second Life na Av. Copacabana.
Isso aqui me deixa feliz, me distrai, me acalma, me afasta do silêncio interno. Me dá a sensação de estar falando com pessoas que conheço (e não conheço) e que de alguma forma têm intimidade comigo.
Tenho uma boa escuta de mim mesmo. A gente tem que poder se dar esse luxo.
Sou capaz de ficar horas de bobeira, aparentemente sem fazer nada. Mas nesses momentos estou me vendo, me ouvindo e me inventando. Quem sou eu, quem não sou, quem eu penso que sou, quem vocês pensam que eu sou, do que gosto, de quem gosto, de quem não gosto, o que não quero e o que quero.
Meu nome não é Jôka.


Fotos - Jôka P.

22 comentários:

Queer Girls disse...

Seja lá quem vc for, eu gosto!
De vc e do Av.
Mas, esse caipira aí tá fashion, hein??
Parece um caipira parisiense!
Chique!!
bjão!!
Tô cheia de provas mas sempre passando aqui!!

Flávia disse...

Ixe, vc é hiper-pensante, como eu. Mas vc é um hiper-pensante produtivo, já eu sou hiper-pensante sequelada...;)

Rubí disse...

Adooro! Minha vida online também se assemelha com um "second life"... acho que entendo o que você sente. E confesso que tenho quase uma pseudo-relação com esse blog e seu autor - sou uma visitande diária, praticamente dependente.

Então... Jôka. Não conheço você. E seu nome pode não ser Jôka. Mas eu gosto muito deste teu ambiente de second life e te admiro pelo pouco que te conheço, através das tuas palavras.

Faça um bem pra todo mundo e nunca deixe de escrever. E diga à Nossa Senhora de Copababana que mandei lembranças.

grande beijo,
Rubí

Celinha baleia disse...

Meu nome não é Baleia.

Angela Ursa disse...

Jôka, eu encontrei você graças ao Avenida. A sua Copacabana virtual é muito especial :)) Beijos e carinho da Ursa

bueno disse...

Querido, voce é um dos melhores blogueiros que já lí. Teu blog tem o swing da bossa nova, o veneno da cobra coral e o melodrama de uma boa novela das oito. Não sei porque, ou sei sim, mas acho que está na hora de voce se sentar no computador e escrever de verdade. Um livro de contos? Uma auto-biografia? Tem tanto potencial aí dentro!
Beijos e obrigado pela foto que chegou (estou um monstro)

Miguel Andrade disse...

E JÔka! Este mundo virtual é um ovo! Um ovo!!!!

Klero disse...

Longe de ser Second Life e seu conteúdo vazio...! =)

DO disse...

Confesso que ja me perguntei ,algumas vezes, que catso estou fazendo com o blog,rsss... E tbem não sei de resposta nenhuma.

abraços,JÔKA!

paçoca disse...

Jôka,
você existe para nos tirar do marasmo, para darmos boas gargalhadas com as suas mulheres melancias, para nos comovermos com sua sensibilidade de chorar no Noviça Rebelde e convulsivamente!!!
Adoro esta chuvinha que de vez em quando você publica!! Quando estou com calor me refresco só de olhar. Quando esta um dia nublado como hoje dá uma deprê gostosa. Um beijo da Paçoca

Ritoca disse...

Oi Jôka!

O que faz um finde de chuva em Copa, hein?!...
Bem, sobre este seu post existencialista, eu tenho a dizer que nem as pessoas com quem se convive no mundo real a gente conhece bem. O que eu conheço de vc e de seu Blog eu gosto e acho super interessante, criativo, bem humorado, enfim, tudo de bom.

Abraço e uma ótima semana prá vc!

Márcia(clarinha) disse...

Crise existencial nessa altura do campeonato, meu querido JÔka?

Mas só pra constar, eu também [e com mais campeonatos que você] me perco de mim, putzzz, terrível é correr atrás do meu eu, mas no fim das contas, tudo dá certo.

dias lindos com carinho em Gigi,
beijos

*JÔka filosofando, gosto disso

Sonho Meu disse...

Meu nome É Neias.hehehehehe
bjs,
me

Mara disse...

Meu nome é Mara.

palpiteira disse...

Johnny, a turma do arraiá de Copacabana está muito chic.
Ficou linda a nova imagem do template do blog.
beijo

Alziro Patafisico disse...

Você anda muito introvertido ultimamente, e poético. Mas, seja lá quem você no fundo for, só pode ser uma pessoa muito interessante, assim como essa sua criação, o tal Mr.P.

Liliane de Paula disse...

Essas imagens estão lindas. A chuva, os cães.
Não perco tempo perguntando quem sou. As pessoas não estão interessadas em quem sou. Vou indo.
Liliane

dudu disse...

Somos uma narrativa em construção.

Linda Carioca disse...

Te adoro, Jôka... seu blog me faz viajar ! Adorei o caipira, um gato !

Adoro chuva ... aqui tem chovido também... beijos !

Leleco disse...

Jôka,

Que semana mais chuvosa. É tempo para pensar e refletir mesmo.

Quando estamos com nossos pensamentos, nunca nos sentimos sozinhos.

Um abração,
Leleco

P.S: Que quadrilha animada a de Copacabana. A de Brasília continua o ano todo...rs

Anônimo disse...

TÕ com saudades!!!! Esse cara parece 1 pouco q alguém q conheço.
Bjs.
Denise Sá

Helena disse...

Já dizia aquele rapazinho o Peare, o Shakespeare: "To be, or not to be: that is the question"...