19 julho 2008

Dercy de cabo a rabo

Photobucket

“Na minha mocidade, eu tinha diversos apelidos : pimenta malagueta, Theda Bara, Pola Negri, puta. Tudo isso eu fui.
Depois me chamaram de outras coisas : irreverente, desbocada, debochada, malcriada, boca-suja, vasto mundo.
Até de vasto mundo me chamaram.
Tudo isso eu também fui.”
Dercy Gonçalves

Pela certidão de nascimento, a moradora de Copacabana Dercy Gonçalves completou 100 anos em 2007.
Pela própria Dercy, em 2007 ela fez foi 102 anos, pois seu pai a teria registrado com dois anos de atraso. Coisas de Dercy.
Dercy sempre costumava dizer: "Só vou morrer quando eu quiser". E ela quis hoje, no dia 19 de julho de 2008.
Estrela irreverente, desbocada, malcriada, boca-suja, vasto mundo.
Estrela da vida inteira.



Photobucket

26 comentários:

Cristiano GO disse...

Fiquri triste de verdade, gostava muito da irreverência de vida que Dercy cultivava...
Adoro as chanchadas que ela protagonizou e me sentia feliz por ainda existir uma mulher tão revolucionária...
Tenho certeza que ela foi para o melhor "ambiente" do céu...

Sonho Meu disse...

Minha musa...vai com Deus...um dia a gente se encontra lá no ceu, só pra falar todos os palavrões que temos direito. Quando criança, assistí muitos filmes dela com Oscarito, Ankito, Anselmo Duarte e outros mais. Tambem vou morrer quando eu quizer e com mais de 100anos. Bravo Dercí !!!!
Belo post!
bjs
me

Lila disse...

gostava dela, do jeito irreverente...mas viveu muito bem os seus 101/102 ou 103 anos...
beijo Jôka e bom domingo!

Linda Carioca disse...

Tudo bom contigo, Jôka ?

Cara,a Dercy é desse tipo de gente que parece que nunca vai morrer... já vi alguns filmes antigos dela, e ai, entendi a real importância que tinha como atriz e personalidade.

Infelizmente, a maioria das pessoas acha que ela só fazia sucesso por que era um idosa que falava palavrões !

Coitada, foi jovem e atriz em uma época em que ser atriz era sinônimo de ser prostituta, e a carteirinha para ambas era a mesma, um absurdo!

BJS! Ela deve estar agora reencontrando um monte de gente e fazendo um fuzuê danado no céu !

zé carioca disse...

101 anos, poucas pessoas possuem o carater e a dignidade de dercy, coragem para falar, gritar, reclamar, xingar essa gente corrupta que hoje transforma nosso país num esgoto interminável de tanta sujeira. Uma excepcional profissional. Que deus a receba de braços abertos.

Luci Lacey disse...

Um patrimonio, neh Joka.

Pena que nao deram a ela, o valor real, por estar velha.

Beijinhos

Anônimo disse...

Mas logo a Dercy??? não acredito!!!
Pu....q...Pa......!!!!!

Gabriel Rodríguez Peralta disse...

Viva Dercy Gonscalves. A maior artista brasileira. Va com Deus. Voce tambem faz parte das imagens da minha infancia pobre no Brazil. Emigrei para o estrangeiro fugindo da pobreza. tambem triunfei e hoje muito longe do Brazil choro sozinho a morte da grande Dercy, um beijo nos teus netos e na tua filha. Va com Deus Dercy!

rfmedeiros disse...

Não sei se ela tinha medo da morte, mas com certeza não tinha medo da vida. O Brasil perde, todos nós perdemos.
Deveriam escrever na lápide "PQP eu morri"...

edu1000 disse...

Sem ser bonita nem ter um corpão, Dercy venceu num ambiente em q já àquela época só as belas tinham vez. Manteve-se no meio artístico até o fim, sem precisar pedir esmolas ou se render a religiões evangélicas e sair vendendo testemunhos mirabolantes. Até os 100 anos, trabalhou com dignidade se apresentando aos 80 anos em teatros de todo o país, depois fazendo participações em novelas e programas humorísticos e, por último, concedendo entrevistas. Dercy, és uma campeã!
Vá com Deus minha querida Dercy....
Imagino a zona que deve estar aprontando lá em cima....rsrs

Anônimo disse...

DESCANSE EM PAZ, QUERIDA DERCY!
QUE DEUS LHE ACOLHA COM A ALEGRIA QUE VOCÊ NOS DEDICOU.
KLEBER BERARDI

Leleco disse...

Jôka,

Dercy era tudo isso e muito mais. Seu jeito irreverente vai deixar muita saudade.

Ela foi a prova de que beleza não vence o verdadeiro talento natural da pessoa. Brilhou no cinema, teatro, na televisão, e principalmente, NA VIDA.

Parabéns pelo post, Jôka. Sei que você já postou sobre ela antes, e essa homenagem não é somente pela data fatídica, e sim por admiração verdadeira.

Um abração,
Leleco

P.S: Mais uma vez uma doença de pobre me pegou, um tal de calázio, já ouviu?rs...doença de pobre é fogo. Só sei que meus olhos incharam, e nem pude entrar no computador. Mas adorei todos os seus posts enquanto estive ausente.

Jôka P. disse...

Sempre adorei a Dercy !
Desde menino já gostava muito de ver os filmes dela, aquelas chanchadas hilárias da Atlântida que passavam de tarde na televisão.
Tive a sorte e a honra de vê-la no teatro, há muito anos, com um amigo querido, que hoje é um ator famoso, mas na época ainda estava começando, também adora ela. O show era no Teatro Brigite Blair, um teatrinho aqui em Copacabana. Um monólogo. A Dercy contava a vida dela para um público mínimo, mas fazia com tanta garra, elegância, brilho e vitalidade que parecia estar no palco do Olimpia de Paris.
Ela era surpreendente, corajosa, ousada, ao mesmo tempo tão digna e sofisticada naquela aparente simplicidade.
Era a moradora mais ilustre de Copacabana, o que me enchia de orgulho.
Eu adorava morar no mesmo bairro da Dercy - e olha que aqui mora um monte de gente importante e super famosa. Mas estrelona mesmo só ela.
Estou sentindo muito a morte dela, que parecia ser alguém que jamais iria morrer.
Mas todo mundo morre, até a Dercy.
Ela era sábia, poderosa, carismática, uma big star.
Se existe um céu, daqueles cheios de estrelas, então ela foi pro lugar certo.

Anônimo disse...

poxa cara vou ficar 1 semana de luto.

Angela Ursa disse...

Jôka, eu fiquei triste com a morte da Dercy. Quando vi a notícia, não acreditei. Porque, para mim, ela era "eterna", nos seus 101 ou 102 anos. Era a rainha da alegria, cheia de vida! Vai fazer muita falta. Beijos da Ursa

Eugênia Franco disse...

A perereca da vizinha está presa na gaiola ... xô perereca, xô perereca ...

janaina de almeida disse...

QUANDO SOUBE DA NOTÍCIA FIQUEI ARREPIADA, MAS ELA NOS DEIXOU UMA HERANÇA QUE NÃO TEM PREÇO:ALEGRIA, IRREVERÊNCIA E VONTADE INTENSA DE VIVER.
UM ABRAÇO.

bueno disse...

ahhh eu nao sabia. pois agora o céu deve estar bem mais animado

bueno disse...

eu fui nesse show contigo joka. chamava dercy beaucoup! no final ela cantava hello dolly, lembra? eu também conhecia ela de vista, pois adorava jogar cartas no olympico clube.

Jôka P. disse...

Então fomos eu, você e o Miguel, né, Claudio ! Não lembrava que você tinha vindo também (já sei que vai se sentir rejeitado e ficar puto, tenho certeza!).
Lembro perfeitamente do Hello Dolly no final, era meio melancólico ver a Dercy naquele teatrinho minúsculo, acho que só tinha a gente na plateia, além de meia dúzia de gatos pingados.
O Olympico dava pra ver da janela do seu quarto, então você devia ver a Dercy de graça, todo dia lá na jogatina.

Cristiano GO disse...

Jõka, adorei a estória de vocês terem ido assistir a peça da Dercy... Isso sim é tesouro !

Jôka P. disse...

É isso Cristiano, o maior tesouro é a nossa memória afetiva.

Anônimo disse...

VALEU jONAS PELA HOMENAGEM A DERCY. BJS NO CORAÇÃO DENISE SÁ

Laura disse...

Bela homenagem!

Palpi disse...

Uma saudade louca de vir aqui pra ler você. Ah, Jõka, você sabe que é bom ler você, eu sei que você sabe.
Eu sei pouco de Dercy e sei pouco de outras muitas coisas também e, ainda bem, eu gosto de aprender e enquanto tiver vida, haverá aprendizado -- ou será só repetição? Ah, não importa! Querido, você é eterno pra mim. O Jõka P., do Av. Copacabana. Artista, lindo, elegante, bem-educado, culto, determinado, que sempre foi tão carinhoso comigo. E os seus lindos desenhos? Não é pouca coisa ser a musa do Jôka P., é? :) Quero fazer um painel com eles, todos eles juntos. Isso ainda vai valer uma fortuna. Eu adorava aquela Palpi. Peruíssima! Elegantérrima! Corajosa! Afiada -- afinada eu ainda estou ;) O que eu fiz com ela, Louro? Ainda não sei o que está acontecendo. O que eu fiz com o mapa?
Beijo enorme e um abraço apertado.
Palpi

Palpi disse...

Louro, acabei de enviar um e-mail pra vc, em agradecimento aos desenhos maravilhosos que recebi, e veja a mensagem: failure notice. Uai, por causa de quê?
"Sorry, we were unable to deliver your message to the following address."
Não vou colocar o e-mail por motivos óbvios, mas é o mesmo de sempre, tudo certinho. Uai!
Que será? Que será?